• VALMIRIA DUATE

Incertezas

A história de alguém que buscava respostas onde não poderia encontrar, até que em um dia tudo mudou



Ela sentou-se em sua varanda e refletiu, precisava de clareza, da compreensão que só o silêncio poderia trazer.

Sentia frio, queria sentir. Desejava provar de todas as suas limitações, do corpo e da alma. Seus medos, angustias e solidão.

Vivenciando cada uma dessas sensações, quem sabe, poderia encontrar o que a afligia, o porquê de sua angustia.

Mergulhada em seu próprio ser, vasculhando o seu próprio coração, percebeu que não era o passado que lhe fazia mal, ele não existia mais.

Tampouco era o futuro que a atormentava. Talvez, a falta dele, ou ao menos, a falta de perspectiva do que ele poderia ser.

O que gostaria de construir? Que realidade queria viver? Não sabia, apenas percebera que algo lhe faltava e precisava, com urgência, preencher esse vazio.

Buscou em sua mente algo ainda surreal, um lugar ou situação, em que não mais sentisse todo aquele desafio de não saber.

Encontrou em seus pensamentos respostas que ela, mesmo sem perceber, tinha. O futuro que queria construir, uma realidade que, sendo para ela aprazível, faria com que se sentisse plena.

Fechou os seus olhos, respirou fundo, levantou-se e caminhou, sabendo que aquele futuro dependeria apenas de seus passos para existir, de suas próprias escolhas.


Valmiria Duarte


14 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo